Cisto no ovário: verdades e mentiras


compartilhe esse post.

O cisto no ovário é muitas vezes confundido com ovário policístico, porém são doenças bem diferentes. 

Saiba mais sobre cisto no ovário | Mater Prime

 

Cerca de 25% das mulheres em idade reprodutiva apresentam problemas nos ovários, como os cistos, e se não tratados podem causar infertilidade.
Os ovários são dois órgãos que ficam situados um de cada lado do útero, produzindo hormônios femininos e os óvulos. Os cistos podem ser desenvolvidos nos ovários por várias causas e devido a isso gera diversas dúvidas sobre o tema.

O cisto no ovário é uma bolsa cheia de líquido que se forma sobre o ovário ou dentro do mesmo. Eles podem ser encontrados com frequência em mulheres em idade reprodutiva, sendo mais propensas aquelas com idade entre 20 e 35 anos, portadoras de endometriose ou doenças inflamatórias pélvicas.

Na maioria dos casos, os cistos ovarianos são indolores e não causam nenhum tipo de sintomas, a não ser que ocorra sangramento devido a ruptura ou torção do cisto causando forte dor abdominal. 

Verdades e mentiras sobre os cistos no ovário

Apesar de comum no sexo feminino ainda há muitas qustões ao redor do assunto. Veja abaixo cinco questões mais frequentes:

1. Ovário policístico e cisto no ovário é o mesmo problema?

Mentira. São problemas bem diferentes. O ovário policístico é causado por uma disfunção hormonal, devido a maior produção de hormônios masculinos, formando pequenos cistos bilaterais. Já o cisto é uma formação preenchida por líquido que ocorre no ovário devido a ovulação ou outros problemas ginecológicos.

2. Uso de medicamentos para fertilidade pode provocar o aparecimento de cistos?

Verdade.  O uso de medicamentos para estimular a fertilidade pode causar hiperestimulação dos ovários, pelos quais podem ser formados vários cistos grandes no ovário. Porém, eles geralmente desaparecem logo após a menstruação ou a gravidez.

3. Os cistos aparecem somente depois da menopausa?

Mentira. Os cistos nos ovários aparecem principalmente nas mulheres em idade fértil, sendo menos comum após a menopausa.

4. Os cistos de ovário são tão agressivos quanto o câncer?

Mentira. Os cistos de ovário não são iguais ao câncer. Eles podem surgir por fatores como endometriose, inflamações pélvicas e outros. Eles podem ser inclusive assintomáticos, não oferecendo os mesmos riscos que o câncer.

5. Os cistos podem desaparecer espontaneamente?

Verdade. Os cistos de ovário podem sim desaparecem espontaneamente, tudo depende do tamanho, das características dos cistos e da idade da paciente. Porém, em alguns casos é necessário tratamento cirúrgico ou medicamentoso.

Os cistos de ovário podem ser causados por vários fatores, inclusive genéticos. Eles podem desaparecer espontaneamente ou necessitar de tratamento medicamento e até cirúrgico. Tudo isso depende do tamanho e das demais características do cisto. Normalmente são assintomáticos e só são descobertos através dos exames de rotina ao ginecologista. Sendo assim, é indispensável realizar as consultas periodicamente.

Veja mais informações sobre cisto no ovário no vídeo abaixo.

Fonte: Mundo das Tribos

 



Redes Sociais

Confira as novidades da Mater Prime nas nossas redes sociais e compartilhe com seus amigos.


© 2015 - Desenvolvido por WSI