O que é FIV simplificada – saiba como funciona o procedimento


compartilhe esse post.

Atualmente, muitos casais adiam a decisão de ter filhos com o objetivo de um melhor planejamento familiar e financeiro, e acabam tendo filhos mais tarde. Além disso, os avanços da Medicina também possibilitaram identificar com mais segurança as causas da infertilidade e proporcionar tratamentos que permitam que esses casais possam conceber uma nova vida, como a FIV simplificada.

A fertilização in vitro (FIV) consiste em uma técnica moderna de reprodução assistida, pela qual casais com infertilidade tem uma nova chance. Além da FIV convencional, os avanços médicos avançaram de forma que a FIV simplificada também se tornou uma opção para as famílias.

FIV

O que é a FIV simplificada?

A FIV simplificada consiste em um procedimento bastante semelhante do método convencional, mas com uma administração de medicamentos menor, o que a torna uma opção mais econômica e acessível para casais que não podem pagar pelo tratamento convencional e sem prejuízos nas chances de concepção.

Na FIV convencional são ministrados medicamentos para inibição da ovulação e, posteriormente, para estímulo da ovulação, de forma que o médico possa controlar melhor a produção de óvulos naquele ciclo menstrual.

No caso do método simplificado não há a ingestão dos inibidores, sendo tomados apenas os remédios para estímulo e em doses menores, quando comparado com a outra técnica.

Devido ao método utilizado a mulher tem menos chances de desenvolver a Síndrome de hiperestimulação ovariana, aumentando a segurança do procedimento. Entretanto, cabe ressaltar que a técnica é indicada para pacientes que não tenham problemas graves de ovulação ou qualidade do óvulo muito prejudicada.

Como funciona o procedimento?

Inicialmente, a paciente deve ser avaliada por um especialista em reprodução humana para determinar se a FIV simplificada é um método indicado para o caso. Se o procedimento for adequado, o tratamento terá início com a ingestão dos remédios para indução da ovulação prescritos pelo médico.

Devido a menor quantidade de medicação, devem ser produzidos entre três e seis folículos que serão aspiradas com auxílio de uma agulha e um aparelho específico de sucção.

O procedimento é quase indolor e a mulher é liberada logo em seguida. Os folículos são mantidos em estufa em uma solução nutritiva. Na mesma data deve ser realizada a coleta dos espermatozoides do parceiro ou do doador. O material genético de cada um é avaliado com o objetivo de selecionar os mais aptos para a fecundação.

Os gametas escolhidos são colocados em uma placa de petri ou em um tubo de ensaio, utilizando um meio de cultura adequado em ambiente de incubação com condições propícias para a fecundação.

Nesse caso, há uma proporção de quase 100 mil espermatozoides saudáveis para cada ovócito. Entretanto, se houver dificuldade na fecundação, pode-se optar pela ICSI, conhecida como injeção intracitoplasmática de espermatozoides. Nesse caso um único espermatozoide selecionado é inserido dentro do ovócito, promovendo a fertilização.

Caso tudo ocorra bem, devem resultar três embriões que podem ser transferidos para o útero da mulher, após o preparo adequado. Ao obter entre três e quatro embriões, as chances de sucesso a cada tentativa de FIV são de 40%, sendo 10% de chances de gestações gemelar e 1% de trigêmeos.

Um dos benefícios da FIV simplificada é que, normalmente, não são obtidos embriões sobressalentes como na convencional. O Conselho Federal de Medicina (CFM) permite apenas a transferência de quatro embriões, aqueles que sejam a mais devem ser congelados, podendo ser usados em tentativas futuras de FIV, doação para outros casais, pesquisas com células-tronco após três anos ou descartados após cinco anos, caso o casal aprove.

Assim, sem embriões a mais para congelamento, com boas chances de sucesso e com um custo reduzido, a FIV simplificada tem sido buscada por casais que desejam engravidar por meio de técnicas de reprodução assistida acessíveis e seguras.



Redes Sociais

Confira as novidades da Mater Prime nas nossas redes sociais e compartilhe com seus amigos.


© 2015 - Desenvolvido por WSI